Militar é detido com cocaína no aeroporto de Sevilha, na Espanha

0

Um sargento da Aeronáutica foi preso nesta terça-feira (25) no aeroporto de Sevilha, na Espanha, com 39kg de cocaína dentro de uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB). O militar, de acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, viajava no avião da Força Aérea Brasileira (FAB), na comitiva oficial do presidente Jair Bolsonaro, cujo destino final é Osaka, no Japão. A detenção levou o Governo brasileiro a mudar a escala da viagem, de Sevilha para Lisboa. O nome do militar, que pertence à Aeronáutica, não foi informado.

O ministério da Defesa confirmou, por meio de nota, a detenção do sargento, e afirmou que os fatos estão sendo apurados e um inquérito policial militar será instaurado. Já Bolsonaro foi ao Twitter para afirmar que havia sido “informado” da detenção e determinou ao ministério da Defesa “imediata colaboração com a polícia espanhola e que, se comprovado crime, o militar será “julgado e condenado na forma da lei”.

O presidente em exercício, Hamilton Mourão disse que o militar agora deve ter punição “pesada’. “As Forças Armadas não estão imunes a esse flagelo da droga. Não é primeira vez que acontece, seja na Marinha, no Exército, na Força Aérea. Agora, a legislação vai cumprir seu papel, ele vai ser julgado por tráfico internacional de drogas e vai ter uma punição bem pesada.”

Com informações e foto da Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui